Em 1997 defendia minha tese de mestrado, "Analogia entre os habitos alimentares de adolescentes e as publicdades de alimentos" e tinha acabado de descobrir que existiam mundo paralelos: especialistas em nutrição e pesquisadores de uma lado & publicitarios e profissionais de marketing do outro.

Estes 2 mundos, que descobri com muita coragem, garra e sofrimento (no bom sentido), SNOW, um fisico inglês que também passou pelo mesmo que eu, ja o tinha descrito anos (alguns) antes de mim. Mas SNOW soube descrever melhor do que eu e tem um livro que é referência na area de mediaçao cientifica. (Assunto que descobri alguns anos depois, vindo morar na França e fazendo o doutorado em Paris 7).

 

Eu era uma "militante de carteirinha" contra as mensagens "enganadoras" veiculadas pela publicidade, ciriticava as estratégias de marketing, até conhecer o outro lado, o lado os profissionais de publicidade e marketing e descobrir que não existe sacanagem nenhuma, que estes profissionais trabalham com a maio boa fé, dentro do que els conhecem e da missão que lhes é atribuida. Assim como os profissionais especialistas ignoram muito do que se passa na sociedade e têm muita dificuldade de orientar seus pacientes em funçao desta realidade...

Sofrendo para fazer a leitura transversal ou horizontal do IBOPE, entendendo a distribuição do espaço publicitario na rede globo, entendendo o trabalho da Nielsen, conversando com muitos publicitarios e amigos, participando da banca de TCCS de estudantes de publicidade e conseguindo defender uma visão diferente junto a uma faculdade de medicina, a necessidade de capacitar profissionoas especialistas na area de marketing de alimentos me parecia cada vez mais evidente.

Delineei este curso para uma faculdade de São Paulo, mas o projeto noa foi aceito.

Em 2005, fui procurada pela, hoje mestra em Marketing de Alimentos, a Profa. Mariana S.C. Rosa, que gostaria de estudar na Espanha. Eu a orientei e ela acabou optando por estudar marketing e descubriu uma escola de negocios que oferecia o master em Marketing Alimentario e Gran Consumo. 

No final do seu curso, e tendo a certeza de que a escola era competente e séria, fizemos a proposta de parceria com a CESMA - Escuela de Negocios de Madrid e montamos o Curso de Especialização em Marketing de Alimentos, Vendas  e Consumo no âmbito internacional.

O objetivo deste curso é fazer com que profissionais especialistas das areas de alimentaçao, nutrição, alimentos (nutricionistas, agrônomos, engenheiros de alimentos, farmacêuticos) entendam o que realmente é marketing, as particularidades do marketing de alimentos e, possam trabalhar de maneira eficiente, integrando o setor de marketing de empresas conhecidas, criando suas proprias empresas, construibndo em verdadeiros projetos na area de alimentos, com cooperativas, restaurantes, distribuidores ou produtores de alimentos e que deixem de compor a equipe que fomenta as informações cientificas para o setor de marketing tomar decisões; queremos que os profissionais especialistas possam ser decisores também.

 

Para mim, profissionais especialistas devem estar bem antes da comunicação, e para tanto devem estar capacitados para poder comunicar com profissionais do marketing e por conseguinte serem respeitados.

 

Nosso curso não pretende fazer marketing de nutricional, mas sim o verdadeiro Marketing de Alimentos.

 

Ja estamos indo para a 5 turma e nossos alunos têm me orgulhado. Unilever, Ajinomoto, Danone, Nestlé, Masterboi, Mundo Verde, RGNutri, Blue...são algumas das empresas onde eles estão trabalhando.

 

Foto da nossa primeira turma, em frente ao "fast-food" do Ferran Adria (na época, 2009).Eurotrip-2009a-149.jpg

Regresar al inicio