Quando você constroe um gráfico ou tabela, as pessoas entendem o que você quer dizer?

Publié le 30 Mars 2017

Sabe aqueles dados de TCC, de tese de mestrado ou doutorado que temos que transformar em tabelas e gráficos?

Ou a aula de defesa de tese ou apresentação de poster em congresso?

Costumamos escolher quase que aleatoriamente gráficos, tabelas,organogramas, mapas, e afins, para acompanhar nosso discurso falado ou escrito.

Será que fazemos a melhor escolha?

Será que nossos "slides" comunicam efetivamente o que queremos transmitir?

O que vemos com frequência na área de alimentos, alimentação e nutrição, são elementos gráficos muito carregados, ou simples demais, ou apresentados de uma maneira que não diz nada ao receptor.

Na maioria das vezes nossas apresentações sem nossa argumentação escrita ou falada não transmitem muita coisa, ou não transmitem exatamente o que queremos.

Os mais conservadores podem dizer que material de apoio não deve ser incorporado sem apresentação do autor.

Os mais comtemporâneos sabem que slides são compartilhados, artigos nem sempre são lidos por inteiro.

Pensando no contexto comtemporâneo, onde a informação visual é muito utilizada, ela deve ser valorizada. (Ninguém tem tempo de ler ou ouvir discursos longos)

Sendo a informação visual valorizada, ela deve ser criada com muito cuidado.

Foi por isso que a Verakis, a Editoria de Arte e o Estudio Sacio criaram o Curso Infografia à mesa : apresentação de dados técnicos científicos sobre alimentação, alimentos e nutrição.

O curso presencial será no mês de junho de 2017.

Informações e Inscrições: verakisbr@verakis.com

A aula online é dia 09 de abril pela Courses4u: http://www.courses4u.com.br/curso-detalhe.php?idc=0190

Aproveitem a oportunidade!

 

 

Quando você constroe um gráfico ou tabela, as pessoas entendem o que você quer dizer?

Rédigé par Verakis

Publié dans #Ciência Pop

Repost 0