Atualmente, uma das maiores preocupações dos governantes é a segurança dos alimentos oferecidos à sua população. A segurança dos alimentos, regras/normas que englobam produção, transporte e armazenamento para que estes processos sejam padronizados de forma a preservar as características físico-químicas, microbiológicas e sensoriais do que há de mais preciso para a sobrevivência humana: o alimento.

Estas normas, quando se quer comercializar e/ou oferecer alimentos no âmbito internacional devem ser respeitadas. Quando os países fornecedores não têm condiçoes de respeitar ou atender à estas normas praticadas ou exigidas para o pais consumidor, surgem o que no jargão chama-se "barreiras sanitárias".

Segundo Dr. Alberto "Uma das principais prioridades estratégicas da UE é garantir os mais altos níveis de segurança dos alimentos. O Livro Branco, um documento que poderíamos comparar grosseiramente de "opiniao publica" reflete essa prioridade e propõe uma abordagem radicalmente nova. Este processo é conduzido pela necessidade de garantir um elevado nível de segurança dos alimentos."

Para atingir este nivel de exigência em qualidade e inocuidade de alimentos e por conseguinte comercializar alimentos para a CEE é fundamental obervar e aprender com quem faz.

A Visita Técnica "Alimentação, tecnologia e qualidade de alimentos" é uma oportunidade imensurável de vivenciar e conhecer com mais propriedade o assunto.

São 10 visitas em "linhas de produção" de alimentos para incentivar e ensinar os que querem trabalhar para oferecer este nivel de qualidade e segurança de alimentos.

Visita Técnica "Alimentação, qualidade e tecnologia" - Madrid
Visita Técnica "Alimentação, qualidade e tecnologia" - Madrid
Visita Técnica "Alimentação, qualidade e tecnologia" - Madrid
Visita Técnica "Alimentação, qualidade e tecnologia" - Madrid
Regresar al inicio